Resenha - Feios

Feios

Autor: Scott westerfeld
Editora : Galera Record
Classificação: Literatura estrangeira - Distopia - YA
Número de páginas: 416
Ano: 2010

     Após um holocausto onde uma bactéria artificial infectou o petróleo e devorou tudo o que se originava dele, uma nova forma de se viver foi criada. Não se destruía mais a natureza e vivia-se em cidades autossustentáveis. Os jovens a partir de doze anos, quando começavam a perder a graça infantil, eram levados para alojamentos, fora da cidade, na parte chamada de Vila Feia. E lá viviam até completar 16 anos quando o governo os presenteava com uma cirurgia plástica que os deixavam perfeitos. A pele imaculada, olhos grandes e brilhantes, lábios carnudos, ossos mais leves e resistentes. A partir daí, podiam viver livremente em Nova Perfeição onde se divertiam o tempo todo com muitas festas, saltos de bung jump, passeios de balões e muita champanhe. Tally Youngblood acabara de “perder” seu melhor amigo que havia passado pela cirurgia e fora morar do outro lado do rio em Nova Perfeição. Os feios não tinham permissão de passar para o outro lado. Tally aguardava ansiosamente seus últimos meses de feia terminarem. Nesse tempo ela conheceu Shay. Uma feia que não estava
interessada em virar perfeita. Queria fugir e se juntar ao grupo rebelde que vivia na natureza, escondido e mantendo-se vivo extraindo recursos naturais. Tally achava aquilo um absurdo. Continuar feio e viver como um selvagem destruindo a natureza. Mas quando sua amiga Shay vai embora e deixa instruções de como chegar à Fumaça (nome dado ao acampamento dos fugitivos) Tally é confrontada pela divisão de Circunstâncias Especiais e ameaçada: ou ir à procura da Fumaça e delatá-los ou ficar feia para sempre.

   Comecei a ler esse livro com reservas. Não sabia bem do que se tratava. Não quis ler outras resenhas, nem mesmo li a sinopse já acreditando que seria um desperdício. Até mais ou menos a página cem eu li me xingando mentalmente. Feios isso, perfeitos aquilo, quem é feio é excluído, quem é perfeito tem a vida maravilhosa das festas. Essa repetição estava me enchendo. Então acontece uma reviravolta e o livro realmente começa. Daí pra frente não consegui largar mais. A distopia precisa ser bem escrita para não virar uma historinha absurda cheia de pontos de interrogação. E Scott Westerfeld soube ambientar muito bem a história, apresentar ótimos personagem e uma trama nem um pouco previsível onde todas as possibilidades podem acontecer e você não sabe para qual o personagem será guiado. Muitas mensagens subjetivas e também diretas sobre o comportamento humano em relação ao conceito de beleza e ao cuidado com os recursos naturais. Comecei lendo sem dar muito crédito e acabei passando logo para o segundo (Perfeitos) e agora estou na metade do terceiro (Especiais). Ótima leitura Jovem.


Ana

17 comentários:

Victor Rosa disse...

Eu sempre quis ler este livro, já achei uma promoção mt boa mas não pude aproveitar :/
Vou aproveitar para divulgar:
"Olá, estou fazendo uma visitinha e seguindo os blogs que estão participando, assim como eu, do Amigo Secreto Entre Blogs!! Que você ganhe um ótimo livro de presente e muitos mimos (kkkk)
Super Abraço, Victor Rosa
encantosparalelos.blogspot.com.br "

Giovanna Milanez disse...

Olá!
Quero muito conferir essa série já faz um tempo mas é tanto livro na fila que estou dando preferencia a outros :/ Adorei sua resenha!
PS: Conheci seu blog pela lista do amigo secreto e estou seguindo.

Beijos!
http://www.sonhandocomlivros.com/

Bru Souza disse...

estou sempre ouvindo falar bem desse livro, já estou super curiosa, mas minha cota de livros novos está encerrada, rs
bjus

http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

Amanda T. disse...

Oi! Adoro essa serie, acho que retrata muito bem esse lado fixado nas aparencias da nossa sociedade, e nos faz pensar. O livro mexe com sua cabeça, voce mergulha na historia e vê as cenas enquanto le. Pelo menos foi o que aconteceu comigo!

Um beijo
escolhasliterarias.blogspot.com.br

Kel Araujo disse...

Oiee, tudo bem?

Acho que é a primeira vez que venho por aqui e desde já queria te parabenizar pelo seu cantinho. Vou te falar que ja vi muita gente falando desse liro, mas nunca me interessei mt por ele. Sempre que via que a resenha era sobre Feios eu fazia uma leitura meio dinamica sem me prender mt. Mas agora lendo a sua resenha,até que o livro parece ser interessante. Confesso que não gosto de distopias, mas não é aquele livro que eu super desperdiçaria, mas ainda não é aquele que eu morreria pra ler =P To te seguindo por aqui

beijos
Kel
porumaboaleitura.blogspot.com.br

Ana Luiza Moraes disse...

Estou querendo ler este livro, apesar de não ter muitas expectativas que nem você. Mas coloquei na lista de amigo secreto, vamos ver se é esse que escolhem pra mim. SAUHSAUHASU'
Estou participando do amigo secreto também, vim dar uma vistinha. *-*
Beijoos!

http://livrinhoseeu.blogspot.com.br/

Victor Rosa disse...

Olá, você foi convidado a responder uma tag no meu blog.
http://encantosparalelos.blogspot.com.br/2013/05/tag-alfabeto-literario_30.html
Super Abraço, Victor Rosa

Neriana Rocha disse...

Oi, meninas!
Já vi várias resenhas positivas sobre essa série, mas tenho um problema com as capas desses livros... São tão feias, na minha opinião. Fico bloqueada pra lê-los. Quem sabe um dia essa sensação passe e eu me renda.
Sua resenha ficou muito boa, até despertou minha curiosidade. :)
Beijos!

Café com Leituras!
http://cafecomleiturasneriana.blogspot.com.br/

Tainah Rodrigues disse...

Comecei a ler esse livro uma vez mas parei, nem lembro mais o motivo... Agora quero ler again kkk

Adriane Rod disse...

Olá conheci seu blog pela lista do Amigo Secreto entre Blogueiros. Já estou te seguindo.

;)

http://pseudonimoliterario.blogspot.com.br/

Sarah Marques disse...

Oi Ana, tudo bom?
Eu quero muito começar a ler essa série!
Com as modinhas das distopias, aparecem muita coisa sem pé nem cabeça, mas todo mundo só tem elogio pro Scott!
Quando surgir uma promo no Submarino eu compro, certeza!
Beijos
Endless Poem

Luuh Marcely disse...

Pra ser sincera, não estou afim de ler essa saga. Todo mundo fala mil maravilhas dela, mas não vejo isso que todos vêem, sabe? E esperar 100 páginas pra história ficar boa? Ah, paciência!
E qual é a graça de viver onde todo mundo são iguais fisicamente com pele invejável, olhos brilhantes e lábios incríveis? Isso me enoja! Se fosse para escolher em ser Perfeita ou Feia (segundo o conceito do livro), preferia ser uma Feia. Viver apenas dos recursos oferecidos pela natureza não me parece tão ruim assim.
Até agora não vi nenhuma resenha que me instigasse a ler essa saga. Enfim, é só minha opinião.

www.november92.com

Roberta Santos disse...

Oi Ana!!
Ouço tanto comentário desse livro que já estou curiosa pra lê-lo!!
Heey, vamos ver se a gente se esbarra na Bienal?? Vou torcer pra você conseguir vir =)
Beijoos
http://garotaliber.blogspot.com

Kel Araujo disse...

Flooor, que bom que vc já recebeu o livro ^^ To de olho no seu blog pra ver a sua resenha, espero que goste tanto quanto eu gostei!!

beijos
Kel
porumaboaleitura.blogspot.com.br

Patricia Souza disse...

Oi.
Essa série nunca me atraiu, acho que por causa da capa....não gostei rsrsrs...tenho esse péssimo hábito.

Beijos
Leituras da Paty

Patty Santos disse...

Oie!!! Ana Michelle!!
Eu pensei em comprar essa série quando estava em promoção no Submarino, mas desisti, é bom saber que é boa, quem sabe em uma próxima promoção!!!
Te indiquei uns selinhos lá no blog!
http://coracaodetinta.blogspot.com.br/2013/06/selinhos-liebster-awards-e-este-blog.html

Lú Miranda disse...

Será uma das minhas próximas leituras, super afim de ler esse bebê.
Querida, li seu livro e nossa, que foi aquilo?
Cara, vou fazer resenha e quero que você leia antes, ok?
http://clicandolivros.blogspot.com.br/
@clicandolivros
Beijos.

Postar um comentário